Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marcos Resende Pensamento

Marcos Resende Pensamento

Nicollò Machiavelli

Maquiavel 04.jpg


Índice Pensamento
 ◦ Índice Geral


01.

O dever dos governantes é o de manter seus súditos sempre ocupados com alguma coisa, porque, da ociosidade vem o descontentamento, a ambição e o mais perigoso dos vícios: a vontade de criar partidos políticos.

02.
A riqueza é tão perigosa quanto a liberdade e a ociosidade — ela dá  motivos para a formação de partidos. Portanto, os governantes devem ser muito ricos — e o povo, muito pobre. 


03.
O estadista tem o direito (e o dever) de iludir o povo, no próprio interesse dos seus concidadãos.

04.
De duas uma: ou se faz a felicidade do povo — ou a grandeza do estado; as duas coisas ao mesmo tempo, não dá. Os homens devem ser ensinados a procurar na grandeza do estado a sua própria felicidade.

05.
Um governante não é obrigado a cumprir as promessas que vão contra os seus interesses. Os governantes que passam por cima da fidelidade, prosperam muito mais que os outros.

06.
É preciso matar a família inteira de um príncipe exilado, com urgência. Caso contrário o novo governante viverá eternamente  ameaçado.

07.
É muito justo toda a crueldade praticada em nome do estado. Um governante não pode manter-se no poder, se não for cruel. De sua boca, entretanto, só devem sair palavras de fidelidade, de fé‚ e de amor ao povo. 

08.
A glória que os homens de valor conquistam nos momentos difíceis, desperta a inveja. Quando tudo volta ao normal, perdem o seu cargo, e elementos indignos tomam conta da situação.

09.
Um governante deve fomentar a desunião entre seus ministros, pois os ministros, quando são unidos, podem derrubá-lo do poder. 

10.
É preciso sempre tratar bem os homens — ou então, matá-los! Porque o homem é vingativo por natureza. 

11.
Ao tomar posse de um Estado, o conquistador deve avaliar as medidas duras que serão tomadas e executá-las de uma vez só. As crueldades devem ser cometidas todas ao mesmo tempo.

12.
O povo é volúvel por natureza. Da mesma maneira que é fácil persuadir a plebe sobre qualquer coisa, é muito difícil mantê-la persuadida. É necessário, portanto que o governante esteja preparado para, quando o povo não acreditar mais, fazer com que ele acredite pela força.

 


Nicolau Maquiavel
(em italiano: Niccolò di Bernardo dei Machiavelli)
Florença, 3.05.1469 — Florença, 21.6.1527) foi um historiador, poeta,diplomata e músico italiano do Renascimento. Reconhecido como fundador do pensamento e da ciência política moderna. Isto se deve ao fato de haver escrito sobre o Estado e o governo como realmente o são e não como deveriam ser. Recentes estudos sobre autor e obra concluem que seu pensamento foi mal interpretado historicamente.
Desde as primeiras críticas, feitas postumamente pelo cardeal inglês Reginald Pole, as opiniões, muitas vezes contraditórias, acumularam-se, de forma que o adjetivo maquiavélico, criado a partir do seu nome, significa esperteza, astúcia, aleivosia, maldade.

Maquiavel viveu a juventude sob o esplendor político da República Florentina, durante o governo de Lourenço de Médici e entrou para a política aos 29 anos de idade no cargo de Secretário da Segunda Chancelaria. Nesse cargo, Maquiavel observou o comportamento de grandes nomes da época e a partir dessa experiência retirou alguns postulados para sua obra. Depois de servir em Florença durante 14 anos foi afastado e escreveu suas principais obras.
Conseguiu também algumas missões de pequena importância, mas jamais voltou ao seu antigo posto, como desejava.
Renascentista, Maquiavel se utilizou de autores e conceitos da Antiguidade clássica, de maneira nova. Um dos principais autores foi Tito Lívio, além de outros lidos através de traduções latinas, e entre os conceitos apropriados por ele, encontram-se o de virtù e o de fortuna.

 
Índice Pensamento ◦ Índice Geral

Roberto Campos

Roberto Campos 09.jpg

Índice Pensamento ◦ Índice Geral

 01.
É divertidíssima a esquizofrenia de nossos artistas e intelectuais de esquerda: admiram o socialismo de Fidel Castro, mas adoram também três coisas que só o capitalismo sabe dar: bons cachês em moeda forte; ausência de censura; e consumismo burguês. Filhos de Marx em transa adúltera com a Coca-Cola. 

02.
A todos os aniversariantes é lícito formular um desejo, ainda que inatingível, frívolo ou paranóico. Se me perguntarem que voto fazer em meu aniversário, eu parafrasearia, num contexto menos trágico e mais vaidoso, o que disse Malraux: 

"O mundo começou um dia a ficar parecido com os meus livros". Malraux escrevera sobre o perigo, o combate e a revolução, e o mundo logo depois mergulhou na rebelião e nas guerras. As minhas guerras foram incruentas, guerras contra a inflação e o subdesenvolvimento. Ficaria mais feliz que Malraux. se o país um dia ficasse um pouco mais parecido com os meus planos: o plano do desenvolvimento com estabilidade, o plano da democratização das oportunidades.
(1967, ao completar 50 anos) 

03.
À parte o doce exercício de xingar os americanos em nome do "nacionalismo" — coisa que nos exime de pesquisar as causas do subdesenvolvimento e permite a qualquer imbecil arrancar aplausos em comícios —, poucos esportes haverá mais deleitosos do que atribuir as nossas frustrações à presença dos militares na administração e na polícia. Um pouco mais de autocrítica, entretanto, nenhum mal faria à classe "política". (1967)

04.
O mundo soviético não poderá indefinidamente manter o gênio aprisionado na garrafa: à descentralização das decisões econômicas terá de corresponder mais cedo ou mais tarde o abandono do "centralismo democrático". (1968)

05
O diabo é que uma pequena inflação é como uma pequena gravidez. (1968)

06
Os militares só entraram em cena "chamados" pelos políticos, e, ante o fracasso da classe política, é extremamente improvável que a retirada militar, por desejável que pareça, elimine miraculosamente a "crise". (1968)

07.
Sem dúvida, Castello Branco, como ditador, merece um prêmio de originalidade. Ao que se saiba, foi o único autoritário da História que em Ato Institucional cassou do próprio punho a faculdade de reeleger-se, mesmo antes de completar um período regular de governo. (1968)


08.
No socialismo as intenções são melhores que os resultados, e no capitalismo os resultados melhores que as intenções. (1968)

09.
O camelo é um cavalo planejado por um comitê de economistas; nem por isso é um animal inútil. (1968)

10.
A psicologia do berçário que herdamos do Hino Nacional ("gigante... deitado eternamente em berço esplêndido... ") e o ufanismo das riquezas naturais (as quais são apenas recursos à espera de investimentos), que mamamos nos livros escolares, têm agido como narcotizantes da vontade nacional de desenvolvimento, transformando-nos no país do futuro, enquanto outros afanosamente conquistam o presente. (1969)


11.
Em minha recente e amargurada encarnação burocrática, como ministro do Planejamento, fui acusado de fúria legiferante. Labutando hoje na iniciativa privada, verifico que a acusação estava longe de ser imerecida. (1969)

12.
Entre os economistas e os pseudoeconomistas da América Latina, é comum chamar pejorativamente de ortodoxas, as doutrinas que a gente não entende ou de que não gosta. (1969)

13.
O destino cruelmente me privou de dois interessantes esportes da esquerda festiva. Um deles é apressar a destruição do capitalismo, saboreando-lhe os vícios. Outro é exibir antiamericanismo, com vários subprodutos interessantes: cura de complexo de inferioridade, exibição de "masculinidade nacionalista" e absolvição automática dos pecados pelos "padres de passeata" de que nos fala Nélson Rodrigues. (1970)

14.
Um processo inflacionário agudo é uma guerra civil incruenta. (1970)

15.
A verdade é que o socialismo é mais eficaz como doutrina política de captura e manutenção de poder do que como técnica de desenvolvimento equilibrado. (1973)

16.
Não há racionalidade econômica que resista à alta do feijão. (1979)

17.
O comunismo é bom para sair da miséria, mas incompetente para nos levar à riqueza. (1985)

18.
Estatização no Brasil é como mamilo de homem: não é útil nem ornamental. (1985)

19.
O imbecil é aquele que não muda. Mudei e aprendi. Muitos dos meus críticos nem mudaram nem aprenderam. (1986)

20.
A ignorância de Ulysses Guimarães em assuntos econômicos é desumana. (1987)

21.
Empresa privada é aquela que o governo controla, empresa estatal é aquela que ninguém controla. (1987)

22.
Temos de tirar o governo do cangote do povo. (1988)

23.
Enquanto o cruzado pretendia abolir a inflação por decreto, a Constituição quer acabar com a pobreza pela lei. (1988)

24.
Congelamento de preços é como ditadura: fácil de entrar, difícil de sair. (1989)

25.
A diplomacia é como um filme pornográfico: é melhor participar do assistir. (1989)

26.
A integração brasileira na economia internacional parece ser uma alternativa de que não poderá fugir o próximo governo da República. (1989)

27.
Marx foi o pior dos profetas: vaticinou a explosão do capitalismo e o que ocorreu foi a implosão do socialismo. Aliás, o iracundo profeta que denunciou a espoliação burguesa era um espoliador nato. Vivia à custa de Engels e, em vez de botar salário no bolso de sua pobre empregada em Londres, botou-lhe um filho no ventre. (1989)

28.
Exceto no Brasil, onde as idéias chegam com atraso como se fossem queijos que necessitam amadurecimento, a social-democracia não é percebida como último reduto do dirigismo, e sim como o primeiro capítulo do liberalismo. (1990)

29.
A burrice, no Brasil, tem um passado glorioso e um futuro promissor. (1990)

30.
A abertura econômica, no Brasil, tem a coragem do carneiro e a velocidade da tartaruga. (1991)

31.
Só há três saídas para o país: Galeão, Cumbica ou liberalismo. (1991)

32.
Quando cheguei aqui no Congresso, queria fazer o bem. Hoje acho que o que dá para fazer é evitar o mal. (1992)

33.
O Brasil me parece ser o único país do mundo onde ser de esquerda ainda dá uma conotação de prestígio. (1993)

34.
O governo não é uma orquestra afinada. É um forró com muitos zabumbeiros. (1993)

34.
Para Ulysses Guimarães, o supremo valor era a relevância política. Para mim, a consistência econômica. Eu via no Ulysses um Dom Quixote da democracia. Ele me considerava um Sancho Pança da economia. Juntos poderíamos ter atacado mais do que moinhos de vento. Mas, navegamos em barcos separados no comboio do Brasil, ao longe de meio século, em sol, bruma e mar revolto, sem um mínimo de sinalização. (1994)

35.
O ideal é que a Igreja, políticos, sindicalistas e nacionalistas se esforcem menos por nos fazer o bem. Ficaríamos menos mal. (1995)

36.
A Petrobrás não é apenas uma empresa industrial. É um instituto de previdência, pois 88% dos lucros são doados aos funcionários, e também um paraíso fiscal, pois não paga imposto de renda e os dividendos do Tesouro são de 1% ao ano. (1995)

37.
Fernando Henrique foi dizer que as esquerdas são burras. Isso já faz tempo que não é segredo. Até que ele foi suave: não disse que são totalitárias. (1995) 

38.
O Antônio Carlos Magalhães tem senso da jugular. Ou seja: sabe onde atacar para matar. (1995)

39.
Esse negócio de parceria é coisa de homossexual. Cliente, então, é coisa de prostituta. E terceirização tem tudo a ver com corno. (1996)

40.
O FGTS é um carneiro que virou bode. Criei o carneiro, mas não sou responsável pela sua metamorfose em bode. (1996)

41.
O Plano Real é um avião com bom desenho aerodinâmico, mas decolou com pouco combustível. (1996)

42.
O ministro Sérgio Motta é um dínamo verbal, mas uma lesma operacional. (1996)

43.
Os elogios incondicionais que estou recebendo estão transformando esta solenidade em meu obituário. (1997, numa aula inaugural para 200 estudantes.)

44.
A burrice no Brasil tem um passado glorioso e um futuro promissor.

45.
Minha geração fracassou. Estávamos certos de que no ano 2000 o Brasil seria um país desenvolvido. Mas fomos ultrapassados até pela Coréia do Sul.

46.
A racionalidade da política econômica no Brasil é inversamente proporcional ao preço do feijão.

47.
Brasília me parece uma cidade incestuosa. Há pouca miscigenação social.

48.
Economia é apenas a arte de alcançar miséria com auxílio da estatística.

49.
O governo nada pode dar que primeiro não tenha tirado.

50.
Moratória soberba foi o apelido irresponsável de uma safadeza internacional.

51.
Deus não é socialista. Ao dotar suas criaturas de inteligência e diligência díspares, o Criador fez da desigualdade parte inescapável da herança humana.

52.
Pior que a profanação do sagrado é a sacralização do profano.

 

Índice Pensamento  Índice Geral

Masaharu Taniguchi 01

Masaharu Taniguchi 07.jpg

  
Índice Pensamento ◦ Índice Geral

01.

DEUS AMA AS PESSOAS ATIVAS E DILIGENTES

O homem é filho de Deus — e Deus riqueza inesgotável. O homem é luz que emana de Deus. Deus é a fonte da felicidade. Deus está dentro de você. Deus está em mim e eu nEle! Deus está permanentemente com você. Deus está sempre em você. Deus se aloja dentro de você. Deus resolve qualquer problema. Deus trabalha incansavelmente. Descubra Deus dentro de si. Descubra Deus em tudo o que o rodeia. Deus ama as pessoas ativas e diligentes. Deus é a fonte da liberdade absoluta. Deus é o maior e mais valioso tesouro.

02

A VIDA NÃO FOI FEITA PARA O HOMEM PERDER

A afirmação é uma força poderosa. A vida não foi feita para o homem perder. A que passa não é a existência verdadeira. A verdadeira felicidade é espiritual e só se obtém ao se buscar o valor espiritual. Minha vida pertence à minha alma e não ao meu corpo.

03.

CADA DIA É UM NOVO INÍCIO

A cada manhã você renasce. Abandone o passado. Cada dia é um novo início. Cada manhã é um renascer. Crescimento lento é sinal de solidez. Cada experiência é uma lição. Cada minuto contém felicidade e alegria.

04.

TELA MENTAL

Delineie apenas imagens mentais radiantes. É do otimismo que nascem todas as coisas boas. Dentro de você existe tudo o que lhe é necessário. Nada nos falta, porque Deus já nos deu tudo. Acredite que já obteve o que deseja. A colheita depende da semeadura. Acredite que o seu desejo já está concretizado. Acredite que somente o Bem é existência verdadeira.


05.

GRATIDÃO

Feliz quem consegue louvar a Deus em qualquer circunstância. Inicie o dia orando com gratidão. Inicie o dia agradecendo em oração.

06.

SUCESSO E FELICIDADE

A chave da felicidade existe dentro de você. A profunda convicção do sucesso é o próprio sucesso. Aquilo que você acredita que consegue, realiza-se infalivelmente.

07.

ESPERANÇA

A esperança é a mãe da realização. Vibre de esperança! A paciência e o esforço transformam em gênio qualquer pessoa.

08.

NATUREZA E EVOLUÇÃO

A natureza verdadeira do homem é ser saudável. A oração correta embeleza as pessoas. A eternidade vive dentro de mim. A paz está dentro da mente. A evolução da alma ― eis a maior meta da nossa vida.

09.

DESPRENDIMENTO

A felicidade acontece quando esquecemos de nós mesmos. Está no desprendimento. Está na anulação, no abandono do ego. Ilumina-se quem procura iluminar os outros. Faça diariamente, por mínimo que seja, alguma coisa pelos outros. A felicidade não tem limite. Nasce sempre de dentro. Vem sempre do íntimo. A boa sorte existe sempre.

10.

AGRADEÇA HOJE

A harmonia se estabelece quando se agradece. A origem da força está na mente que agradece. Em primeiro lugar, agradeça. Agradeça a Deus pela dádiva de hoje. Ame o dia de hoje! Bendiga o dia de hoje! Felicite-o! Agradeça a felicidade deste momento. Agradeça a si mesmo. Agradeça a todas as pessoas, coisas e fatos. Agradeça até a menor das dádivas. Agradeçamos antes de mais nada. Agradeça em vez de reclamar.

11.

MUDAR É MELHORAR

Avance diariamente na direção do progresso. Mudança é sinal de melhora.

12.

AGORA

Agora é a sua hora de viver. Agora é o melhor momento! Enquanto você adia para depois, o tempo voa. Endireite o corpo e verá como a alma se tranquiliza. Esforçando-se diariamente, pode-se evoluir infinitamente.

13.

MENTE I

A imaginação é força criadora. A mente é uma grande força criadora. A sua mente cria a sua vida. A vida é construída com a mente. É a origem de tudo, é a raiz de todas as coisas. Abra a janela de sua mente. Abra o canal de expressão do amor que há dentro de si. A prosperidade vem a partir da riqueza da mente. É a mente que domina o destino. E sábio quem domina a própria mente.

14.

MENTE II

Mantenha a mente dócil. Mantenha a mente generosa e alegre. Mantenha sempre a mente sorridente. Mantenha sempre um sorriso na alma. Mente alegre atrai destino alegre. Meu ambiente é sombra da minha mente.

15.

MENTE III

Abrindo os olhos da mente descobrirá felicidade em toda a parte. Amplie os horizontes de sua mente. Mudando a mente, o ambiente se modifica por si mesmo. Aquele que tem a mente alegre é um verdadeiro vencedor. Alma cristã é a que se alegra com a felicidade alheia. 

16.

A PALAVRA FALADA

A palavra falada ou escrita contém uma grande força. Fale sempre com otimismo. Diga boas palavras. Tudo se modifica conforme o conteúdo das palavras.

17.

O LADO POSITIVO

Esforcemo-nos em ver apenas o lado positivo das pessoas. Eu amo a todos e todos me amam. Eu amo tudo — e tudo me ama. Faço da alegria alheia a minha alegria. Louve mentalmente todas as pessoas ao seu redor. As pessoas desenvolvem a qualidade que for elogiada. Elogie mais as pessoas. Alegrando os outros você se sentirá alegre. Alegrar os outros é um meio de fortalecer nossa saúde. 


18.

TORNE-SE LUZ

Quem ajuda o próximo ajuda a si próprio. Alegrando os outros você também se alegrará. Se deseja iluminar os outros, torne-se luz. O desejo de alegrar os outros proporciona-nos saúde. Aquele que se dispõe a iluminar os outros, brilha por si. Ensinando os outros aprende-se mais ainda. Se deseja viver bem, dedique-se integralmente aos outros.

19.

AME E ABENÇOE

Aquele que abençoa o outro é abençoado por Deus. Ame seus semelhantes, com solicitude. Jamais odeie ou amaldiçoe alguém. Amo a tudo e a todos; sou amado por tudo e por todos. Agradeça, convicto de que já recebeu o que almeja.

20.

DEUS EM PRIMEIRO LUGAR

Em primeiro lugar, busque a Deus, e terá tudo. Deixe seu trabalho nas mãos de Deus. Apoie-se em Deus, como o bebê se apoia na mãe. Confie a Deus a decisão da época certa. Daqui para a frente, seguramente virão coisas boas. Acredite em seu Deus interior. Entregue a Deus a realização daquilo que deseja. Entregue-se inteiramente nos braços de Deus, que a solução virá naturalmente. Deixe suas preocupações e problemas nas mãos de Deus. Deixe tudo por conta de Deus; o momento certo chegará. Através da total confiança em Deus, viva alegre e corajosamente. A beleza da forma nasce da sabedoria de Deus.
 

Masaharu Taniguchi  (22.11.1893 - Nagasaki, 17.06.1985).
Líder religioso japonês, fundador da Seicho-No-Ie. Dotado de
 profundo amor e compaixão pela humanidade, sofria com as contradições deste mundo, onde os fracos se tornam vítimas dos fortes.
Estudou filosofias e religiões, tanto antigas como contemporâneas. 
Após infatigável esforço, com dias e noites em ardorosas orações, finalmente recebeu a Revelação Divina, mergulhado em profunda meditação. Uma voz que dizia: "A matéria é nada. O corpo físico é nada. Todos os fenômenos, no mundo da matéria, são nada. O que existe verdadeira e eternamente, é Deus e Sua manifestação. O homem é, na realidade, um filho de Deus. Ele não é matéria, mas existência espiritual. O homem já é um ser perfeito. Tudo em nosso ambiente é simplesmentes o reflexo de nossa própria mente".


Índice Pensamento 
 Índice Geral