Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Marcos Resende Pensamento

Marcos Resende Pensamento

Sidarta Gautama

Buda 07.jpg 

Índice Pensamento Índice Geral

01.
O conflito não é entre o Bem e o Mal, mas, entre o Conhecimento e a Ignorância.

02.
A sabedoria já existe em estado latente dentro de nossa consciência. 

03.

Duvidem de tudo. Encontrem sua própria luz.

04.
Os homens que perdem a saúde para juntar dinheiro e depois perdem o dinheiro para recuperar a saúde por pensarem ansiosamente no futuro, esquecem o presente; de tal forma que acabam por nem viver no presente nem no futuro; vivem como se nunca fossem morrer e morrem como se nunca tivessem vivido.

05.
O segredo da saúde, mental e corporal, está em não lamentar o passado, não se preocupar com o futuro, nem se adiantar aos problemas; mas, viver sabia e seriamente o presente.

06.
É mais fácil ver os erros dos outros que os próprios; é muito difícil enxergar os próprios defeitos. Espalham-se os defeitos dos outros como palha ao vento, mas, escondem-se os próprios erros como um jogador trapaceiro.

07.
A paz vem de dentro de você mesmo. Não a procure à sua volta.

08.
Todas as coisas são precedidas pela mente, guiadas e criadas pela mente. Tudo o que somos hoje é resultado do que temos pensado. O que hoje pensamos determina o que seremos amanhã. Nossa vida é criação de nossa mente.

09.
Feliz aquele que vence o egoísmo, alcança a paz, encontra a verdade. A verdade liberta-nos do mal; não há no mundo libertador igual. Confia na verdade, mesmo que não sejas capaz de compreendê-la, mesmo que no começo te pareça amarga a sua doçura.

 

 

 

Buda 03.jpg

10.
Existem três classes de pessoas que são infelizes: a que não sabe e não pergunta, a que sabe e não ensina e a que ensina e não faz.

11.
Aquele que inveja outros não tem paz.

12.
Milhares de velas podem ser acesas de uma única vela e a vida da vela não será encurtada. Felicidade nunca diminui ao ser compartilhada.

13.
Um bom amigo, que nos aponta os erros e as imperfeições e reprova o mal, deve ser respeitado como se nos tivesse revelado o segredo de um oculto tesouro.

02.
Persistir na raiva é como apanhar um pedaço de carvão quente com a intenção de o atirar em alguém. É sempre quem levanta a pedra que se queima.

02.
Assim como as pedras preciosas são tiradas da terra, a virtude surge dos bons atos e a sabedoria nasce da mente pura e tranquila. Para se andar com segurança, nos labirintos da vida humana, é necessário que se tenham como guias a luz da sabedoria e virtude.

02.
O ódio nunca desaparece, enquanto pensamentos de mágoas forem alimentados na mente. Ele desaparece, tão logo esses pensamentos de mágoa forem esquecidos.

02.
A vitória sobre a si mesmo é a maior de todas as vitórias.

02.
O louco que reconhece sua loucura possui algo de prudente; porém, o louco que se presume sábio, esse está realmente louco.

02.
Toda grande caminhada começa com um simples passo.

02.
Jamais, em todo o mundo, o ódio acabou com o ódio; o que acaba com o ódio é o amor.

02.
Praticar o bem, abster-se do mal e purificar seus pensamentos, são os mandamentos de todo iluminado.

02.
Eu sou o resultado de meus próprios atos, herdeiro de atos; atos são a matriz que me trouxe, os atos são o meu parentesco; os atos recaem sobre mim; qualquer ato que eu realize, bom ou mal, eu dele herdarei.

02.
Nossa existência é transitória como as nuvens do outono. Observar o nascimento e a morte dos seres é como olhar os momentos da dança. A duração da vida é como o brilho de um relâmpago no céu, tal como uma torrente que se precipita montanha abaixo.

02.
Numa viagem, um homem deve andar com um companheiro que tenha a mente igual ou superior a sua; é melhor viajar sozinho do que em companhia de um tolo.

02.
Sua tarefa é descobrir o seu trabalho e, então, com todo o coração, dedicar-se a ele. 

02.
Um homem só é nobre quando consegue sentir piedade por todas as criaturas. 

02.
Aqueles que se respeitam e se amam a si mesmos devem estar sempre alerta, a fim de que não sejam vencidos pelos maus desejos.

 

Buda 08.jpg

Índice Pensamento Índice Geral